O tratamento Endovascular é uma modalidade que tem sido usada em nosso país em número crescente nos últimos 20 anos. Então se pararmos para pensar é extremamente recente. E consiste em técnicas que navegam por dentro do vaso sanguíneo, através de mínimos cortes ou punções, e por isso também conhecido como minimamente invasivo.

Mas podemos fazer tratar doenças graves mesmo com técnica endovascular. Talvez o maior impacto do emprego da técnica seja para tratar doenças da Aorta, tais como aneurismas de Aorta Torácica e Abdominal, dissecções, estenoses ou obstruções. Cirurgias muito grandes, invasivas, e mórbidas, foram dando lugar a técnicas menos invasivas e que exigem menor tempo de internação, e provocam menos dor, possibilitando uma recuperação mais rápida e mais rápido retorno a casa.

Muitas outras doenças podem ser tratadas desta forma. A doença arterial obstrutiva periférica, por exemplo, que causa obstrução nas artérias dos membros inferiores, encontra boas soluções endovasculares, com grande arsenal de instrumentos que podem ser empregados. Em alguns casos, devido a anatomia principalmente, alguns pacientes ainda se beneficiam de uma estratégia de abordagem de cirurgia convencional. Então neste caso a opinião do especialista com certeza terá grande importância no desfecho!

Outra doença que poucos sabem, mas que pode ser tratado por via endovascular, são as varizes, quando a veia safena está comprometida. As técnicas de laser e radiofrequência já são mais empregadas nos Estados Unidos do que a cirurgia clássica de remoção da safena (leia mais sobre isso no texto Cirurgia de Varizes).

Finalmente, posso citar o uso de acessos endovenosos para quimioterapia, hemodiálise e antibioticoterapia prolongada. Todos estes cateteres, entre eles: PICC, cateter de port-o-cath, permcath, Schilley, são feitos de forma endovascular. Neste caso implantamos um dispositivo que traz muito mais conforto ao paciente durante seu período de tratamento.

Se você tem uma doença vascular consulte o seu médico para saber se você pode tratá-la de forma Endovascular. Só um especialista poderá te aconselhar com segurança!

Whatsapp